Nova onda de frio chega ao Brasil e Municípios devem se preparar Quarta, 28 de julho de 2021.

frio portal.inmet.gov.brUma nova onda de frio chegou ao sul do Brasil e alguns Municípios registraram temperaturas abaixo de zero nesta manhã deste 28 de julho. Os termômetros em Bom Jardim da Serra, Santa Catariana, registraram -7,8ºC, às 6h. Em Urupema fez -7,25ºC, às 7h. Entre a tarde desta quarta e amanhecer de quinta-feira, 29 de julho, há chance de neve e chuva congelada em Municípios da Serra e Oeste catarinense.

No total, mais de 30 Municípios amanheceram com temperaturas negativas e houve registro de formação de geada. Há possibilidade de neve durante a tarde. As informações são do Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina (Epagri/Ciram).

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) alerta aos gestores sobre a importância do trabalho junto às áreas municipais de defesa civil, assistência social e saúde. As equipes precisam estar preparadas para orientar, principalmente, a população para a mudança climática. Isso porque o frio pode aumentar os casos de resfriados e doenças respiratórias e, atrelado à Covid-19, sobrecarregar ainda mais os serviços de saúde.

A CNM lembra que a população em situação de rua também merece atenção, pois deve demandar os serviços socioassistenciais. Nesse sentido, a administração pública e as equipes da assistência podem pensar em um planejamento estratégico e ações interdisciplinares que contribuam para a proteção desse público vulnerável e a prevenção da disseminação do coronavírus.

Região Sudeste
A região Sudeste também deve ser atingida. Na Serra da Mantiqueira, divisa entre São Paulo e Minas Gerais, as temperaturas mínimas devem ficar entre -2°C e -5°C, e a máxima não deve passar dos 15°C. No Rio de Janeiro, a frente fria leva a um aumento de nuvens, deixando o céu encoberto e o tempo instável. Com mínima de 14°C e máxima de 25°C, a cidade deve ter fortes rajadas de vento, segundo o sistema Alerta Rio. A Marinha emitiu aviso de ressaca com possibilidade de ondas de até quatro metros, que começaram já na noite de terça.

Na Região Metropolitana de São Paulo, há previsão de temperaturas negativas e de geada. As máximas na capital podem ficar abaixo dos 15°C na quinta (29) e sexta-feira (30), com mínimas de até 3°C.

Da Agência CNM de Notícias, com informações do G1

 

 

Voltar